Enfermagem é responsável por até 80% das ações de atenção básica no SUS

Enfermagem é responsável por até 80% das ações de atenção básica no SUS

Florence dialoga com enfermeira e explica detalhadamente a importância da área no SUS
Enfermagem | 26/01/2021
Compartilhe :

O enfermeiro, em geral, é o profissional de saúde com quem o paciente que utiliza o Sistema Único de Saúde (SUS) tem o primeiro contato. Segundo dados de 2016 do Conselho Federal de Enfermagem (Cofen), o grupo de enfermagem é responsável por 60% a 80% das ações na Atenção Básica e 90% dos processos de saúde em geral no SUS.

Esses profissionais participam de todo o processo de cuidado na saúde, desde a promoção à proteção e assistência à saúde. Eles são fundamentais para o acolhimento humanizado na assistência pública. 

Profa. de Semiologia e Enfermagem em Doenças Tropicais e Atenção Básica 2 do curso de Enfermagem, Márcia Lima.

Profa. de Semiologia e Enfermagem em Doenças Tropicais e Atenção Básica 2, Márcia Lima.

Conforme a enfermeira Márcia Lima, professora de Semiologia e Enfermagem em Doenças Tropicais e Atenção Básica 2 do curso de Enfermagem da Faculdade Florence, este profissional tem diversas frentes de atividades, mas, dentro do SUS, é o responsável por identificar, principalmente, as necessidades do cuidado ao paciente. 

“Com a criação do SUS, o profissional enfermeiro é aquele que direciona o seu olhar ao usuário de forma holística. Ele não vê só o problema ou a doença, ele vê o indivíduo dentro de um contexto para poder traçar as melhores alternativas de reestabelecimento do equilíbrio de sua saúde”, explicou a professora Márcia Lima.

Ela destaca também que o enfermeiro tem papel fundamental na humanização não só no processo de trabalho, mas também no atendimento de forma geral, possibilitando ao indivíduo o acesso universal e contínuo aos serviços de saúde de qualidade.

Atribuições do enfermeiro

Dentro do SUS, esses profissionais estão presentes em todas as ações desenvolvidas. Só na Atenção Básica, eles são mais de 200 mil, compondo as equipes de Saúde da Família, de Consultório na Rua, entre outras. As principais atribuições do enfermeiro estão no planejamento, gerenciamento, coordenação de ações que melhorem do dia a dia do paciente, assistência em âmbito individual e coletivo, educação em saúde, gestão de sistemas de saúde, assessoria, consultoria, auditoria, produção científica, execução de ações voltadas para todas as fases do ciclo de vida humano e supervisão e produção de ações que capacitem sua equipe. 

Além de estarem presentes dentro das unidades de saúde e do ambiente hospitalar, eles identificam a situação do paciente e o direcionam para o ponto de atendimento adequado, como o Centro de Referência de Assistência Social (Cras). Outra função importante do enfermeiro dentro do SUS é o mapeamento do território e da população para identificar as principais necessidades do local, bem como pontos de vulnerabilidade e riscos presentes.

Desafios e pandemia da Covid-19

Apesar da grande relevância que a classe exerce para a promoção saúde, eles enfrentam diversas dificuldades que foram escancaradas com a pandemia do novo coronavírus, que já tirou a vida de mais 217.081 brasileiros, dentre eles profissionais da saúde.

“O que ficou mais evidente no decorrer desses últimos meses de trabalho exaustivo do profissional da enfermagem foi a sobrecarga de trabalho a que ele é submetido em suas várias frentes de atuação, bem como a escassez de recursos materiais e equipamentos, implicando diretamente no cuidado exercido ao usuário. Essa sobrecarga é reflexo da falta de profissionais, o quantitativo hoje que temos de profissionais é uma relação inversamente profissional, gerando fadiga emocional e física, insatisfação no trabalho, implicando assim em questões legais e na saúde do trabalhador”, afirmou a professora Márcia Lima.

Estude Enfermagem na Florence

Estão abertas as inscrições para o Processo Seletivo 2021.1 da Faculdade Florence! Os interessados em cursar Enfermagem na Instituição, além de um ensino de excelência, destaque em toda a região, contarão com o benefício da 1ª mensalidade a R$ 49, além de outras vantagens diferenciadas.

O estudante que ingressa no curso de Enfermagem da Florence tem acesso a uma formação ética, técnica e intelectual reconhecida no Maranhão. Já no início do curso terá oportunidade de realizar práticas com a comunidade, desde o primeiro período, e terá possibilidade de envolvimento com pesquisa e extensão, facilitado por um corpo docente qualificado e acessível.

O curso também conta com laboratórios multidisciplinares e específicos muito bem equipados para proporcionar uma vivência de qualidade para os alunos. “Além disso, quem estuda Enfermagem na Florence garante alta empregabilidade, devido à abordagem humanística e científica da Instituição, e se torna um profissional multicompetente e destacado no mercado de trabalho maranhense”, enfatizou a professora Ana Larissa Nogueira, coordenadora do curso.

Ficou interessado? Ainda dá tempo de participar do vestibular 2021.1. Inscreva-se agora!

Notícias Relacionadas

SIGA A FLORENCE NO INSTAGRAM